domingo, 8 de janeiro de 2017

ALFABETIZAÇÃO DE MELHOR QUALIDADE

Como construir uma alfabetização de melhor qualidade?



   O processo de aquisição da língua escrita não pode ser considerado um processo natural e espontâneo, no qual o professor se limita a ser um espectador passivo, bastando rodear a criança de livros para que ela aprenda sozinha.

É um processo difícil para ela, porém não mais difícil que outros processos de aquisição de conhecimento. É um processo que exige ter acesso a informações socialmente veiculadas, já que as propriedades da língua escrita só podem ser descobertas através de outros informantes e dar participação em atos sociais onde a escrita seja utilizada para fins específicos.

Não é um processo linear, mas um processo com períodos precisos de organização, para cada um dos quais há situações conflitantes que podem ser antecipadas. Esses conflitos cumprem um papel construtivo no processo (não qualquer conflito, mas alguns muito específicos), é crucial o trabalho da professora na identificação da natureza das dificuldades que se apresentam, algumas das quais representam problemas que devem ser enfrentados pelas crianças.

A escrita lhes apresenta desafios intelectuais, problemas que devem ser resolvidos precisamente para que elas possam entender quais são as regras de construção interna do sistema.


Emilia Ferreiro


Espero ter contribuído! Até mais 👀



Nenhum comentário:

Postar um comentário